Gestos simples

Não te proclames inútil
Porque te falte vintém.
O amor espontâneo e puro
É a fonte de todo o bem.

Se o desejo de ajudar
É a força com que te afinas,
Resguarda-te na humildade,
Olha as coisas pequeninas.

Toda delonga no auxílio
É como luz que se atrasa;
Na exaltação do melhor,
Começa da própria casa.

À queixa dos entes caros,
Traze a bênção da esperança:
Suporta com paciência
O choro de uma criança.

Se um parente vive errado,
Dá-lhe à vida, estranha e louca,
A prece no sentimento
E a caridade na boca.

Lava o prato que te serve,
Compõe a roupa da mesa,
Toma a vassoura e protege
A formação da limpeza.

Na indiferença da rua,
Por mais pressa em teu caminho,
Estende o braço ao enfermo
Que segue triste e sozinho.

Atravessando a calçada,
Coopera em favor do asseio
E desloca todo entrave
Que perturbe o passo alheio.

Estira a semente amiga
No extenso lençol do chão,
Envolvendo a própria estrada
Em vida, perfume e pão.

Articula, onde estiveres,
Verbo doce e cristalino.
Duas frases de bondade
Elevam qualquer destino.

Não olvides que Jesus,
O Mestre da Redenção,
Trouxe a luz do Céu à Terra
No ouro do coração.

Casimiro Cunha. Psicografia de Chico Xavier.
Do site “Caminhos de Luz“.

Anúncios

Sem adversários

“Se crês em Deus, nunca te perderás no labirinto da revolta ou da desesperação, ante golpes e injúrias que se te projetem na estrada, porquanto interpretarás ofensores e delinquentes, na condição de infelizes, muito mais necessitados de bondade e proteção que de fel e censura.

Se crês em Deus, jornadearás na Terra sem adversários, de vez que, por mais que se multipliquem na senda aqueles que te agridam ou menosprezam, aceitarás inimigos e opositores, à conta de irmãos nossos, situados em diferentes pontos de vista.”

Emmanuel. Psicografia de Francisco Cândido Xavier. Da obra “Coragem”, editora FEB. 

Informativo Divulgação Espírita – Espiritismo no Cotidiano – Outubro 2016 – nº 86

Para cadastrar-se e receber os informativos mensalmente em seu e-mail, clique aqui »

Para ler os informativos anteriores, clique aqui »

mailing enc

ESPIRITISMO NO COTIDIANO

nº. 86 – Outubro 2016

Boletim informativo destinado aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com 

Endereço alternativo: https://espiritismonocotidiano.wordpress.com

Estudos Doutrinários Doutrina Espírita CristãCulto Cristão no LarAs Obras Básicas

“Se alguém quiser acompanhar-me, negue a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.
Pois quem quiser salvar a sua vida, a perderá, mas quem perder a vida por minha causa, a encontrará.
Pois, que adiantará ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?”

Jesus

(Mateus 16:24-26)

***

“Não desprezes lição alguma.

Começa a luta de cada dia, com o deslumbramento de quem observa a beleza pela primeira vez e agradece a paz da noite como quem se despede do mundo para transferir-se de residência.

Ama pela glória de amar.”

Emmanuel

***

“Só o amor atravessa as paredes compactas do cárcere em que a ingnorância se aguilhoa à penúria de espírito, conduzindo os antros sombrios de nossos débitos à santificante claridade da libertação.”

Meimei

***

“És filho de Deus, cujo amor inunda o universo e se encontra presente nas fibras mais íntimas do teu ser.

Por isso, nada te deve atemorizar ou afligir demasiadamente.”

Joanna de Ângelis

Queridos amigos,

Que as bênçãos de Jesus acompanhem a todos hoje e sempre.

Tempo é vida. Embora todos saibam disso, nem todos agem de acordo com esse conhecimento.

Muitos perdem preciosas horas do dia em atividades fúteis e nada construtivas. Outros vêem os anos passarem sem que tenham agido em prol da melhora da sociedade e da própria vida, presos a ideias de vitimismo, rancor ou mágoas. E depois assistem às vitórias alheias com a impressão de que somente os outros vivem e conquistam, enquanto eles permanecem estagnados, assistindo tudo da arquibancada, sem tomar parte nas alegrias da vida.

Sofrimento passado, erros cometidos ou o peso de determinadas circunstâncias poderão tornar-se fatores de estagnação para aqueles que não se conscientizarem de que as marcas do sofrimento não livram ninguém da obrigação de trabalhar no presente para construir um futuro melhor.

Portanto, peçamos todos forças ao Criador para que possamos aproveitar o nosso tempo da melhor forma possível, a fim de gerarmos mais progresso e alegria para os nossos caminhos e deixarmos lamentações estéreis para trás.

Passemos à leitura da mensagem deste informativo:

PERANTE O TEMPO

André Luiz. Psicografia de Waldo Vieira. Da obra “Conduta Espírita”. Editora FEB.

Em nenhuma condição malbaratar o tempo com polêmicas e conversações estéreis, ocupações fantasistas e demasiado divertimento.

Desperdiçar tempo é esbanjar patrimônio divino.

Autodisciplinar-se em todos os cometimentos a que se proponha, revestindo-se do necessário discernimento.

Fazer muito nem sempre traduz fazer bem.

Fugir de chorar o passado, esforçando-se por reparar toda ação menos correta.

O passado é a raiz do presente, mas o presente é a raiz do futuro.

Afastar aflições descabidas com referência ao porvir, executando honestamente os deveres que o mundo lhe designa no minuto que passa.

O amanhã germinará das sementes do hoje.

Quanto possível, plasmar as resoluções do bem no momento em que surjam, uma vez que, posteriormente, o campo da experiência pode modificar-se inteiramente.

Ajuda menos quem tarde serve.

Ainda que assoberbado de realizações e tarefas, jamais descurar o bem que possa fazer em favor dos outros.

Quando procuramos o bem, o próprio bem nos ensina a encontrar o “tempo de auxiliar”.

“Ainda não é chegado meu tempo, mas o vosso tempo está sempre pronto”
Jesus
(João, 7:6)

Esperando sinceramente que este informativo tenha proporcionado momentos de reflexão útil para o nosso aperfeiçoamento, desejo a vocês e a suas famílias muita saúde, muita paz, muita alegria e muita harmonia.

Até breve, se Deus quiser.

Paz e luz a todos!

Abraços fraternos,

A Equipe do blog Espiritismo no Cotidiano

Acesso rápido:

Twitter do blog | Facebook do blog | Artigo desta SemanaEstudos Doutrinários |

Vídeos | Áudio |  Fale Conosco |

***

Boletim mensal Espiritismo no Cotidiano

Ano VIII – Número 86 – Outubro 2016

Espiritismo no Cotidiano é uma publicação mensal destinada aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com.

Agradecemos sua visita ao site. Paz e luz!

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Servicinhos

Queridos amigos,

A todos aqueles que pensarem ser necessário ter riqueza para auxiliar os outros, ou que é preciso chegar a postos de influência para fazer o Bem, convidamos à leitura desta mensagem.

Que sua semana seja iluminada!

Paz e luz,

A Equipe do blog Espiritismo no Cotidiano.

SERVICINHOS

“Antes sede uns para com os outros benignos.” – Paulo (EFÉSIOS, 4:32.)

Grande massa de aprendizes queixa-se, por vezes, da ausência de grandes oportunidades nos serviços do mundo.

Aqui, é alguém desgostoso por não haver obtido um cargo de alta relevância; além, é um irmão inquieto porque ainda não conseguiu situar o nome na grande imprensa.

A maioria anda esquecida do valor dos pequenos trabalhos que se traduzem, habitualmente, num gesto de boas maneiras, num sorriso fraterno e consolador . ..

Um copo de água pura, o silêncio ante o mal que não comporta esclarecimentos imediatos, um livro santificante que se dá com amor, uma sentença carinhosa, o transporte de um fardo pequenino, a sugestão do bem, a tolerância em face de uma conversação fastidiosa, os favores gratuitos de alguns vinténs, a dádiva espontânea ainda que humilde, a gentileza natural, constituem serviços de grande valor que raras pessoas tomam à justa consideração.

Que importa a cegueira de quem recebe? Que poderá significar a malevolência das criaturas ingratas, diante do impulso afetivo dos bons corações? Quantas vezes, em outro tempo, fomos igualmente cegos e perversos para com o Cristo, que nos tem dispensado todos os obséquios, grandes e pequenos?

Não te mortifiques pela obtenção do ensejo de aparecer nos cartazes enormes do mundo. Isso pode traduzir muita dificuldade e perturbação para teu espírito, agora e depois.

Sê benevolente para com aqueles que te rodeiam.

Não menosprezes os servicinhos úteis.

Neles repousa o bem-estar do caminho diário para quantos se congregam na experiência humana.

Emmanuel. Psicografia de Francisco Cândido Xavier.
Do site “Caminhos de Luz“.

Informativo Divulgação Espírita – Espiritismo no Cotidiano – Setembro 2016 – nº 85

Para cadastrar-se e receber os informativos mensalmente em seu e-mail, clique aqui »

Para ler os informativos anteriores, clique aqui »

mailing enc

ESPIRITISMO NO COTIDIANO

nº. 85 – Setembro 2016

Boletim informativo destinado aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com 

Endereço alternativo: https://espiritismonocotidiano.wordpress.com

Estudos Doutrinários Doutrina Espírita CristãCulto Cristão no LarAs Obras Básicas

“”Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.”

Jesus

***

“Eduque a voz para que ela seja a moldura digna de sua imagem.”

André Luiz

***

“Jesus sempre é o nosso apoio,
Nosso abrigo certo e claro.
Promove socorro a todos,
Ninguém fica ao desamparo”

Cornélio Pires

***

“És filho de Deus, cujo amor inunda o universo e se encontra presente nas fibras mais íntimas do teu ser.

Por isso, nada te deve atemorizar ou afligir demasiadamente.”

Joanna de Ângelis

Queridos amigos,

Que as bênçãos de Jesus acompanhem a todos hoje e sempre.

Muitos são os que se queixam de solidão. Se tivessem amigos, se tivessem um companheiro/a, tudo seria diferente, acreditam.

Por mais que o fato de não estar só para enfrentar os desafios da vida normalmente seja fonte de alegria e bem-estar, é preciso que reconheçamos que a vida na Terra é uma jornada de auto-iluminação, autoconhecimento.

Não importa qual o contexto social e familiar em que esteja inserido, em algum momento o indivíduo ver-se-á só. É preciso que aprenda a conviver consigo mesmo, a ficar sozinho e ainda assim permanecer em paz.

Embora tenhamos o dever de fazer o melhor que pudermos em benefício da coletividade, o caminho da vida, ainda que trilhado em companhia de um grupo, não deixa de ser individual.  Não é uma questão de individualismo egoísta; é um fato da existência, uma realidade que é necessário aceitar, pois as consequências de suas ações – seus ônus e bônus – serão somente suas.

Passemos, então, à leitura da mensagem de Marco Prisco, que trata justamente desse tema:

SOMENTE VOCÊ

Marco Prisco. Psicografia de Divaldo Franco. Do site “O Espiritismo”.

Ninguém poderá carregar o fardo de suas dores.

Eduque-se com o sofrimento.

Ninguém entenderá os problemas complexos de sua existência.

Exercite o silêncio.

Ninguém seguirá com você indefinidamente.

Acostume-se com a solidão.

Ninguém acreditará que suas aflições sejam maiores do que as do vizinho.

Liberte-se delas com o trabalho de auto-iluminação.

Ninguém lhe atenderá todas as necessidades.

Subordine-se apenas ao que você tem.

Ninguém responderá por seus erros.

Tenha cuidado no proceder.

Ninguém suportará suas exigências.

Faça-se brando e simples.

Ninguém o libertará do arrependimento após o crime.

Medite na paciência e domine os impulsos.

Ninguém compreenderá seus sacrifícios e renúncias para a manutenção de uma vida modesta e honrada.

Persevere no dever bem cumprido.

Sábio é todo aquele que reconhece a infinita pequenez ante a infinita grandeza da vida. Embora ninguém possa servi-lo sempre, você encontrará um sublime Alguém, que tem para cada anseio de sua alma uma alternativa de amor.

Por você, Ele carregou o fardo do mundo…

Compreendeu os conflitos da vida…

Caminhou com todos…

Socorreu todos que O buscaram…

Matou a fome, saciou a sede e ouviu as multidões inquietas…

Atendeu à viúva de Naim, ao apelo materno em Caná…

Carregou a cruz da injustiça sem nenhuma reclamação…

Perdoou a traição de Judas, desculpou as negativas de Pedro e a ambos libertou do remorso com a concessão do trabalho em novos avatares…

Compreendeu as lutas da mulher atormentada, sedenta de paz;

esclareceu o enfático doutor do Sinédrio, sedento de saber; arrancou das trevas o cego Bartimeu, sedento de claridade…

Ensinou que diante do amor todos os enigmas do Universo se aclaram, por ser o Pai Celeste a Suprema Fonte do Amor.

Não se imponha, pois, a ninguém.

Embora você dependa de todos, nada aguarde dos outros.

Receba e agradeça o que lhe chegue e como chegue, ajude e passe…

Aprenda que a luta é a lição de cada hora no abençoado livro da existência planetária, e siga adiante com Ele, que “jamais se escusava”.

Esperando sinceramente que este informativo tenha proporcionado momentos de reflexão útil para o nosso aperfeiçoamento, desejo a vocês e a suas famílias muita saúde, muita paz, muita alegria e muita harmonia.

Até breve, se Deus quiser.

Paz e luz a todos!

Abraços fraternos,

A Equipe do blog Espiritismo no Cotidiano

Acesso rápido:

Twitter do blog | Facebook do blog | Artigo desta SemanaEstudos Doutrinários |

Vídeos | Áudio |  Fale Conosco |

***

Boletim mensal Espiritismo no Cotidiano

Ano VIII – Número 85 – Setembro 2016

Espiritismo no Cotidiano é uma publicação mensal destinada aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com.

Agradecemos sua visita ao site. Paz e luz!

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Informativo Divulgação Espírita – Espiritismo no Cotidiano – Dezembro 2015 – nº. 84

Para cadastrar-se e receber os informativos mensalmente em seu e-mail, clique aqui »

Para ler os informativos anteriores, clique aqui »

mailing enc

ESPIRITISMO NO COTIDIANO

nº. 84 – Dezembro 2015

Boletim informativo destinado aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com 

Endereço alternativo: https://espiritismonocotidiano.wordpress.com

Estudos Doutrinários Doutrina Espírita CristãCulto Cristão no LarAs Obras Básicas

“”Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai se não por mim.”

Jesus

***

“ Plante isso ou aquilo, e você colherá dos recursos que semeou; alguém poderá dizer que isso é óbvio, entretanto, ligados no bem de todos, transfiramo-nos da palavra à vivência e decerto surpresas iluminadas de alegria virão fatalmente a você, se você experimentar.”

André Luiz

***

“Jesus preocupou-se, acima de tudo, em proporcionar a cada alma uma visão mais ampla da vida e em aquinhoar cada espírito com eficiente recursos de renovação para o bem.
Não condenes, pois, o próximo porque nele observes a inferioridade e a imperfeição.

A exemplo do Cristo, ajuda quanto possas.

O Amigo Divino sabe o que existe em nós… Ele não desconhece a nossa pesada e escura bagagem do pretérito, nas dificuldades do nosso presente, recheado de hesitações e de erros, mas nem por isso deixa de estender-nos amorosamente as mãos.”

Emmanuel

***

“És filho de Deus, cujo amor inunda o universo e se encontra presente nas fibras mais íntimas do teu ser.

Por isso, nada te deve atemorizar ou afligir demasiadamente.”

Joanna de Ângelis

Queridos amigos,

Que as bênçãos de Jesus acompanhem a todos hoje e sempre.

Aproveito este, que é o último informativo do ano, para agradecer a todos pelo carinho e companhia. Espero que no próximo ano possamos continuar a aprender e melhorar juntos, como já temos feito há sete anos, desde dezembro de 2008.

Falando em melhorar, nossa mensagem de hoje é o “Decálogo do Aperfeiçoamento”, em que André Luiz nos ensina itens simples que, caso sejam colocados em prática, irão nos auxiliar imensamente em nosso crescimento espiritual.

Passemos, então, à leitura:

DECÁLOGO DO APERFEIÇOAMENTO

André Luiz. Psicografia de Chico Xavier. Do site “Espiritismo”.

1 –Diminua as próprias necessidades e aumente as suas concessões.

2 –Intensifique o seu trabalho e reduza as quotas de tempo inaproveitado.

3 –Eleva as idéias e reprima os impulsos.

4 –Liberte o “homem do presente”, na direção de Jesus e aprisione o “homem do passado” que ainda vive em você.

5 –Vigie os seus gestos, estendendo os gestos alheios.

6 –Persevere no estudo nobre, reconhecendo na vida a escola sagrada de nossa ascensão para Deus.

7-Julgue a você mesmo e desculpe indistintamente.

8 -Fale com humildade, ouvindo com atenção.

9-Medite realizando e ore servindo.

10-Confie no Amor do Eterno e renda culto diário às obrigações em que Ele Mesmo nos situou.

Seguindo as orientações apresentadas acima, sem dúvida contribuiremos para a nossa felicidade e a felicidade de todos no meio em que vivemos.

Esperando sinceramente que este informativo tenha proporcionado momentos de reflexão útil para o nosso aperfeiçoamento, desejo a vocês e a suas famílias um felicíssimo Natal e um Ano Novo de muita saúde, muita paz, muita alegria e muita harmonia.

Ver-nos-emos em 2016, com a graça de Deus!

Paz e luz a todos!

Abraços fraternos,

A Equipe do blog Espiritismo no Cotidiano

Acesso rápido:

Twitter do blog | Facebook do blog | Artigo desta SemanaEstudos Doutrinários |

Vídeos | Áudio |  Fale Conosco |

***

Boletim mensal Espiritismo no Cotidiano

Ano VII – Número 84 – Dezembro 2015

Espiritismo no Cotidiano é uma publicação mensal destinada aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com.

Agradecemos sua visita ao site. Paz e luz!

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Sempre mais

Observai a natureza e compreendereis a lição evangélica do “sempre mais”

Quanto mais se humilha a fonte nas profundezas do solo, mais recebe os fios d’água, transformando-se em grande rio.

Quanto mais se ajusta o combustível, mais se alastra o fogo devastador.

Quanto mais se demora o lodo no chão, mais se estende ao derredor.

Assim também, no campo de nossa vida moral, teremos sempre daquilo que produzimos.

Comfiemo-nos à leve sombra de tristeza e, a breve tempo, padeceremos infinito desânimo.

Fujamos à fraternidade e a solidão viverá conosco.

Rendamo-nos às tentações de rebeldia e a cólera explodirá, por dinamite invisível da morte, em nosso veículo de manifestação.

Neguemos entrada ao amor em nossa alma e o ódio cristalizar-se-á, violento, em nosso mundo íntimo.

Adiemos o nosso aprendizado para o futuro e, amanhã, nossa ignorância se fará mais pesada.

Fixemos os defeitos do próximo e acordaremos no espinheiro da maledicência.

Um gesto de simpatia convocará a solidariedade em nosso favor.

Estendamos a luz da boa vontade a alguém e o auxílio de minutos virá em nosso encontro.

Tudo é sintonia no Universo.

Tudo se encadeia na vida, segundo as origens dos nossos sentimentos, ideias, palavras e ações.

Não te esqueças de que a Lei te conferirá, em dobro e “sempre mais”, de acordo com aquilo que desejas e produzes.

Emmanuel. Psicografia de Chico Xavier. Do blog “Bete – Mensagem do Dia“.

Informativo Divulgação Espírita – Espiritismo no Cotidiano – Novembro 2015 – nº. 83

Para cadastrar-se e receber os informativos mensalmente em seu e-mail, clique aqui »

Para ler os informativos anteriores, clique aqui »

mailing enc

ESPIRITISMO NO COTIDIANO

nº. 83 – Novembro 2015

Boletim informativo destinado aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com 

Endereço alternativo: https://espiritismonocotidiano.wordpress.com

Estudos Doutrinários Doutrina Espírita CristãCulto Cristão no LarAs Obras Básicas

“E Jesus lhes disse: Por causa de vossa incredulidade; porque em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e há de passar; e nada vos será impossível.”

Jesus

***

“ É indispensável amar e desculpar, compreender e servir, tantas vezes quantas se façam necessárias, de modo a que sofrimento e dissensão desapareçam e a fim de que, nas bases da compreensão e da bondade de hoje, as crianças de hoje se levantem na condição de Espíritos reajustados, perante as Leis do Universo, garantindo aos adultos, nas trilhas das reencarnações porvindouras, a redenção de seus próprios destinos.”

Emmanuel

***

“Nos problemas que carregas
Queres saber como agir. . .
Anelas libertação. . .
Que fazer? Torna a servir.

Sofreste. . . Anseias agora
Adivinhar o porvir. . .
Como achar felicidade?
Atende. Torna a servir.

Erraste. . . Lutas na sombra. . .
Desejas não mais cair. . .
Onde a escora que te guarde?
Trabalha. Torna a servir.

Entregaste os próprios sonhos
Que procuras corrigir. . .
Qual o caminho mais certo?
O melhor: torna a servir.

Excesso de ocupações. . .
Novo dever a cumprir. . .
Compromissos mais pesados,
Não fujas. . . Torna a servir.

Em qualquer dor, se indagasses
Do Senhor como sair
Jesus diria decerto:
Não temas, torna a servir.”

Casimiro Cunha

***

“És filho de Deus, cujo amor inunda o universo e se encontra presente nas fibras mais íntimas do teu ser.

Por isso, nada te deve atemorizar ou afligir demasiadamente.”

Joanna de Ângelis

Queridos amigos,

Que as bênçãos de Jesus acompanhem a todos hoje e sempre.

O final do ano se aproxima, sendo um momento propício para analisarmos como utilizamos o tempo que Deus nos concedeu. Aproveitamos esse tempo para fazer algo em prol do bem comum? Para melhorarmos a nós mesmos, beneficiando, assim, a comunidade? Ou será que perdemos tempo com futilidades? Ou cedemos à cômoda inércia e terminaremos o ano da mesma forma como começamos, sem nenhum progresso, sem esforço, sem transformação?

A partir dessa auto-análise, observemos o que nos falta transformar, o que foi negligenciado, quais futilidades permitimos que nos tomassem precioso tempo. Assim, descobriremos o que deve ser mudado daqui por diante.

Sugiro que, após essa reflexão, façamos um planejamento, com metas e prazos, para que possamos acompanhar o nosso progresso. Nesse planejamento podem constar itens de qualquer natureza, como, por exemplo, qualidades que queremos aprimorar, tais como paciência e tolerância, e como iremos colocá-las em prática, aprender um novo idioma, eliminar determinadas futilidades que desperdiçam tempo, fazer um curso, ser aprovado no vestibular ou algum outro exame, reorganizar as finanças, estabelecer uma rotina de exercícios físicos, traçar planos de uma alimentação mais saudável.

Toda iniciativa que implica em nossa melhora, seja ela espiritual ou material, é louvável. Isto posto, é importante ressaltar que devemos sempre priorizar nossa melhora espiritual, pois de nada adianta progredirmos no campo intelectual e material sem evolução íntima, sem progresso moral.

O mais importante, após refletir e planejar, é agir. Colocar em prática nossos planos no Bem, com fé em Deus, sem dúvida renderá resultados muito proveitosos.

Esclarece-nos Joanna de Ângelis que reclamações a respeito da situação em que vivemos de nada adiantam. Temos que agir, temos que progredir. Estamos sim, sob a regência das leis divinas, e isso significa que enfrentaremos algumas situações inescapáveis, advindas de compromissos por nós anteriormente assumidos, de consequências de nossos atos. Porém, Joanna nos adverte que há um espaço para que modifiquemos nosso panorama de vida, para o presente e o futuro, desde que abandonemos a inércia e nos renovemos no Bem.

Passemos, portanto, à leitura, para que nos inteiremos do teor desse importante alerta:

SAÚDE E BEM-ESTAR

Joanna de Ângelis. Psicografia de Divaldo Franco. Do site da revista O Consolador.

O planejamento de qualquer projeto responde pela qualidade da futura realização. Previsões e detalhes, cálculos e referenciais, organograma e execução, constituem a base do labor, do qual decorrem os êxitos ou insucessos.

Da planificação até a concretização do empreendimento, quaisquer alterações têm que ser estudadas, a fim de serem introduzidas sem prejuízo para o conjunto ou excesso de gastos não previstos.

Na mesma linha de raciocínio, uma cuidadosa sementeira de cardos, com adubação frequente, outra colheita não resultará, senão de espinhos e acúleos.

A criatura humana torna-se o que pensa, o que sustenta mentalmente e desenvolve até a fixação.

Lamentavelmente, porém, expressiva maioria de indivíduos somente acalenta ideias negativas, lucubra pessimismo, agasalha mal-estares. Como resultado, enfraquecem-se-lhe as resistências morais, debilitam-se-lhe os valores espirituais e alimenta-se da própria insânia.

Há determinadas provações que são inevitáveis, por procederem de desmandos de outras existências. Podem, entretanto, através de construções mentais e humanas edificantes, ser alteradas, atenuadas e até liberadas, pois que os atos saudáveis granjeiam mérito para superar aqueles que são danosos.

Não te atenhas aos atavismos infelizes, revivendo-os, comentando-os, reestruturando-os nos campos mental e verbal. Eles não te abandonarão, enquanto não os deixes.

Queixas-te de insucessos, dissabores, enfermidades, desamor; e, no entanto, aferras-te a eles de tal forma que perdes o senso de avaliação da realidade, rotulando-te como infeliz e estacionando aí, sem qualquer esforço de renovação.

Afirma a sabedoria popular com propriedade: Pedra que rola não cria limo, sugerindo alteração de rota, movimento, realização.

Esforça-te por desconsiderar as ocorrências desagradáveis, perturbadoras.

Planeja o teu presente, estabelece metas para o futuro e põe-te a trabalhar sem desfalecimento, sem autocomiseração, sem amargura.

Podes e deves alterar para melhor o clima que respiras, o ambiente no qual te encontras.

Não basta pedires a Deus ajuda, porém, deves fazer a tua parte, sem o que, pouco ou nada conseguirás. Saúde ou doença, bem ou mal-estar dependem de ti.

Narra-se que um sábio caminhava com os discípulos por uma via tortuosa, quando encontraram um homem piedoso que, ajoelhado, rogava a Deus o auxiliasse a tirar do atoleiro o carro em que seguia. Todos olharam o devoto, sensibilizaram-se e prosseguiram.

À frente, alguns quilômetros vencidos, havia um outro homem, que tinha, igualmente, o carro atolado num lamaçal. Este, porém, esbravejava reclamando, mas tentava com todo empenho liberar o veículo.

Comovido, o sábio propôs aos discípulos ajudá-lo. Reunidas todas as forças, logo o transporte foi retirado e, após agradecimentos, o viajante prosseguiu feliz.

Os aprendizes surpresos, indagaram ao mestre: — O primeiro homem orava, era piedoso e não o ajudamos. Este, que era rebelde e até vociferava, recebeu nosso apoio. Por quê?

Sem perturbar-se, o nobre professor elucidou:

— O que orava, aguardava que Deus viesse fazer a tarefa que a ele competia. O outro, embora desesperado por ignorância, empenhava-se, merecendo auxílio.

Será, pois, ideal, que sem reclamar e pensando corretamente te disponhas a retirar do paul o carro da tua existência, a fim de seguires feliz adiante com saúde e bem-estar.

*

O amor divino inunda-me de paz.

Sua presença conduz-me ao próximo, que passo a amar.

Descubro-me em falta para com Deus e para com o meu irmão.

Por fim, amo-me e renovo-me, pleno, regozijando-me no amor, que é a meta essencial da vida.

Como pudemos perceber, Joanna de Ângelis nos ensina de que, com esforço e fé, podemos melhorar nossas vidas e alcançar nossos projetos. Essa preciosa mensagem é fonte de incentivo e ânimo para corrigirmos nossos equívocos e progredirmos cada vez mais.

Esperando sinceramente que este informativo tenha proporcionado momentos de reflexão útil para o nosso aperfeiçoamento, desejo a vocês e a suas famílias muita saúde, muita paz, muita alegria e muita harmonia.

Paz e luz!

Abraços fraternos,

A Equipe do blog Espiritismo no Cotidiano

Acesso rápido:

Twitter do blog | Facebook do blog | Artigo desta SemanaEstudos Doutrinários |

Vídeos | Áudio |  Fale Conosco |

***

Boletim mensal Espiritismo no Cotidiano

Ano VII – Número 83 – Novembro 2015

Espiritismo no Cotidiano é uma publicação mensal destinada aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com.

Agradecemos sua visita ao site. Paz e luz!

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Incompreensão

incompreensao emmanuel fonte viva chico xavier 23146451885_4c3bf476dc_z

Mensagem de Emmanuel, psicografada por Chico Xavier. Obra: Fonte Viva. Do site da FEB.

“Fiz-me fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos para, por todos os meios, chegar a salvar alguns.” – Paulo. (1ª Epístola aos Coríntios, 9:22.)

A incompreensão, indiscutivelmente, é assim como a treva perante a luz, entretanto, se a vocação da claridade te assinala o íntimo, prossegue combatendo as sombras, nos menores recantos de teu caminho.

Não te esqueças, porém, da lei do auxílio e observa-lhe os princípios, antes da ação.

Descer para ajudar é a arte divina de quantos alcançaram conscienciosamente a vida mais alta.

A luz ofuscante produz a cegueira.

Se as estrelas da sabedoria e do amor te povoam o coração, não humilhes quem passa sob o nevoeiro da ignorância e da maldade.

Gradua as manifestações de ti mesmo para que o teu socorro não se faça destrutivo.

Se a chuva alagasse indefinidamente o deserto, a pretexto de saciar-lhe a sede, e se o Sol queimasse o lago, sem medida, com a desculpa de subtrair-lhe o barro úmido, nunca teríamos clima adequado à produção de utilidades para a vida.

Não te faças demasiado superior diante dos inferiores ou excessivamente forte perante os fracos.

Das escolas não se ausentam todos os aprendizes, habilitados em massa, e sim alguns poucos cada ano.

Toda mordomia reclama noção de responsabilidade, mas exige também o senso das proporções.

Conserva a energia construtiva do exemplo respeitável, mas não olvides que a ciência de ensinar só triunfa integralmente no orientador que sabe amparar, esperar e repetir.

Não clames, pois, contra a incompreensão, usando inquietude e desencanto, vinagre e fel.

Há méritos celestiais naquele que desce ao pântano sem contaminar-se, na tarefa de salvação e reajustamento.

O bolo de matéria densa reveste-se de lodo, quando arremessado ao poço lamacento, todavia, o raio de luz visita as entranhas do abismo e dele se retira sem alterar-se.

Que seria de nós se Jesus não houvesse apagado a própria claridade, fazendo-se à semelhança de nossa fraqueza, para que lhe testemunhássemos a missão redentora? Aprendamos com ele a descer, auxiliando sem prejuízo de nós mesmos.

E, nesse sentido, não podemos esquecer a expressiva declaração de Paulo de Tarso quando afirma que, para a vitória do bem, se fez fraco para os fracos, fazendo-se tudo para todos, a fim de, por todos os meios, chegar a erguer alguns.

Informativo Divulgação Espírita – Espiritismo no Cotidiano – Outubro 2015 – nº. 82

Para cadastrar-se e receber os informativos mensalmente em seu e-mail, clique aqui »

Para ler os informativos anteriores, clique aqui »

mailing enc

ESPIRITISMO NO COTIDIANO

nº. 82 – Outubro 2015

Boletim informativo destinado aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com 

Endereço alternativo: https://espiritismonocotidiano.wordpress.com

Estudos Doutrinários Doutrina Espírita CristãCulto Cristão no LarAs Obras Básicas

“Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me;
Porque aquele que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim, achá-la-á.
Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma?”

Jesus

***

“Trazendo a sua consciência tranquila, nos deveres que a vida lhe deu a cumprir, voce pode e deve viver a sua vida tranquila, sem qualquer necessidade de ser infeliz.”

André Luiz

***

“Não desfaleças, e segue adiante no rumo do teu amanhã, que começa agora.”

Joanna de Ângelis

***

“És filho de Deus, cujo amor inunda o universo e se encontra presente nas fibras mais íntimas do teu ser.

Por isso, nada te deve atemorizar ou afligir demasiadamente.”

Joanna de Ângelis

Queridos amigos,

Que as bênçãos de Jesus acompanhem a todos hoje e sempre.

Há momentos na vida em que surgem questões inesperadas. Não se deve jamais ceder ao impulso do desespero e da revolta, pois Deus somente permite que aconteça o que é para o bem, ainda que não se possa compreender as razões no momento.

Por isso, Emmanuel nos relembra de que o Pai é conosco em todos os momentos, e capacita todos os filhos para enfrentar e vencer quaisquer obstáculos com fé e dignidade.

HORAS DIFÍCEIS

Emmanuel. Psicografia de Chico Xavier. Do site Caminhos de Luz.

Provável estejas atravessando as horas difíceis que não aguardavas.

Querias o empréstimo de recursos amoedados, para acertar os próprios negócios e os amigos falharam.

Perdeste todos os haveres num investimento que te parecia importante e que resultou em fracasso.

Colocaste todas as esperanças num filho querido que te trocou por aventuras inferiores.

Pessoas amadas deixaram-te a sós, afastando-se junto daqueles mesmos que te recebiam apreço e confiança.

Companheiros de ontem surrupiam-te hoje as vantagens e os bens.

Apoiavas-te no afeto e na dedicação de alguém que a morte transferiu de plano, impondo-te desajuste e solidão.

Se essas horas de crise te surgiram na existência, não te desanimes e nem te desesperes.

Ergue a fronte para o alto e conta com Deus.

Esperando sinceramente que este informativo tenha proporcionado momentos de reflexão útil para o nosso aperfeiçoamento, desejo a vocês e a suas famílias muita saúde, muita paz, muita alegria e muita harmonia.

Paz e luz!

Abraços fraternos,

A Equipe do blog Espiritismo no Cotidiano

Acesso rápido:

Twitter do blog | Facebook do blog | Artigo desta SemanaEstudos Doutrinários |

Vídeos | Áudio |  Fale Conosco |

***

Boletim mensal Espiritismo no Cotidiano

Ano VII – Número 82 – Outubro 2015

Espiritismo no Cotidiano é uma publicação mensal destinada aos leitores registrados no site www.espiritismonocotidiano.com.

Agradecemos sua visita ao site. Paz e luz!

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.